Terceirização logística: foco estratégico

13.06.2017

 

 

No último dia 06 de Junho, tive o prazer de ser um dos palestrantes, do IV ELog - Encontro de Profissionais de Logística, evento promovido pelo Conselho Regional de Administração do Rio de Janeiro - CRA/RJ.

 

O tema central do IV ELog foi terceirização logística e, procurei levar aos presentes uma reflexão sobre os desafios e as oportunidades desta atividade.

 

Após o evento, recebi diversas mensagens solicitando algumas informações sobre o tema.

Procurei reunir as perguntas em grupos de assuntos, e ao longo das próximas semanas, irei compartilhando as respostas.

 

Uma das perguntas mais frequentes que foi quanto a como conduzir um bom processo de terceirização logística ?

 

Primeiramente, penso que devemos considerar que a terceirização logística deve ser considerada como uma questão estratégica que, pode trazer resultados POSITIVOS, quando utilizada de maneira adequada, mas que pode trazer, também, grandes PREJUÍZOS quando usada de maneira incorreta.

 

O objetivo estratégico da terceirização logística  não deve ser apenas contratar serviços por si só e sim, contratar as SOLUÇÕES decorrentes da prestação dos serviços.

 

Quando observamos os principais motivadores para a terceirização logística que são a redução de custos, o aumento da eficiência operacional e a redução dos investimentos em ativos, percebemos que ainda temos um longo caminho a percorrer, almejando uma terceirização mais estratégica focada em soluções logísticas.

 

Para atingirmos este foco mais estratégico, precisamos rever o modelo de gestão dos contratos de terceiros. Estas mudanças podem ser visualizadas no quadro abaixo.

 

Como podemos notar, faz-se necessário uma forma diferenciada de gestão nos contratos, buscando um relacionamento ainda mais estreito junto aos nossos parceiro. A confiança, a cooperação, a política do ganha-ganha, o enfoque nos resultados e a busca conjunta por soluções passam a ser os elementos norteadores da estratégia da terceirização logística.

 

Por isso, o primeiro passo para  conduzir um bom processo de terceirização logística é entender a necessidade desta mudança de enfoque do modelo de gestão.

 

Sabemos que não trata-se de uma tarefa fácil. Sabemos que muitas vezes, não temos provedores de serviços alinhados a esta nova realidade. Mas, é preciso buscar, que nossas organizações, nossas equipes e nossos parceiros entendam esta necessidade de mudança.

 

Nos próximos artigos, continuaremos respondendo as demais perguntas que recebemos sobre o tema terceirização logística.

 

 

Hélio Meirim - CEO da HRM Logística, tendo atuado, por mais de 20 anos, no Brasil e no exterior, em cargos executivos de empresas nacionais e multinacionais nos segmentos de Operadores Logísticos, Transportadores, Varejo, E-Commerce, Indústria Farmacêutica, Alimentícia, Siderúrgica, Química e Agrobusiness.

 

 

 

 

Please reload

Últimos posts

November 21, 2019

November 13, 2019

Please reload

© 2018 by JS+